Skip to main content

Saiba a importância da segurança da informação para uma empresa

Artigo Saiba a importância da segurança da informação para uma empresa

 

Dados são bens de alta prioridade. Entretanto, se a segurança da informação for negligenciada, a empresa estará sujeita a ataques e tentativas de violações, colocando em xeque a sua operação e credibilidade.

Neste artigo, vamos explicar a importância da Segurança da Informação para uma organização independente do seu segmento ou porte. O intuito é mostrar, entre outras coisas, que administrar permissões é crucial, bem como a automação de rotinas relacionadas à autenticação. Boa leitura!

O que é Segurança da Informação?

Segurança da Informação é o conjunto de práticas que envolve a proteção de sistemas e dados de um indivíduo ou empresa. A ideia é proteger contra as mais diversas ameaças virtuais e físicas, de modo que as pessoas certas tenham acesso aos dados do negócio. 

Essas práticas correspondem a processos internos, políticas e ferramentas. A intenção é minimizar riscos de vazamento ou perda de dados, causada por ataque cibernético, acesso não autorizado ou ausência de cópias de segurança.

Quais os seus pilares?

Todo negócio deve especificar regras e políticas de segurança. Nesse sentido, é impossível não citar a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados), pois esta exige o controle dos registros dos clientes, sob risco de multas e punições. Para proteger os dados e ativos do negócio, é fundamental ter um norte bem definido, sendo que a prática se fundamenta nos 6 seguintes pilares:

  1. Confidencialidade: garante o sigilo das informações, impedindo que pessoas ou dispositivos não autorizados tenham acesso aos dados;
  2. Integridade: preservar os dados originais, garantindo que a informação não sofra nenhuma alteração sem uma autorização prévia;
  3. Disponibilidade: determina quem e quais dispositivos terão acesso aos dados, seguindo as regras de confiabilidade;
  4. Autenticidade: assegura que os dados de uma fonte não sofram alterações ao longo de um processo;
  5. Conformidade: garante que todos os processos e políticas sejam executados conforme as normas regulamentadas; 
  6. Irretratabilidade: impossibilita a negação de autoria de uma transação, garantindo a autenticidade.

Qual a importância de manter a segurança da informação para a empresa?

As soluções de segurança da informação possuem mecanismos para atualizar diversas rotinas do setor de TI. Dentre elas, podemos citar a concessão, atualização e revogação dos direitos de acesso de um usuário.

Investir em Segurança da Informação também é proteção das redes e sistemas da empresa. Dessa forma, é possível evitar, por exemplo, que ataques virtuais causem lentidão ou interrupção nas operações.

Portanto, a segurança da informação está relacionada com a redução do risco de ataques cibernéticos e controle robusto de acessos. Fraudes de identidade são comuns no ambiente online, exigindo o uso de soluções automatizadas capazes de fazer verificações e emitir um alerta em caso de risco iminente.

Como manter um bom nível de segurança da informação?

Neste tópico, vamos focar em duas soluções, que são o IAM e o SSO.

O IAM é o responsável por facilitar o gerenciamento de identidade e acessos dos usuários na empresa. Assim, somente pessoas autorizadas têm acesso aos recursos e níveis adequados para cada função, sendo que algumas das funcionalidades básicas de uma solução de IAM são:

  • Governança e administração de identidades, inventário de identidades e definição de responsabilidades;
  • Provisionamento automático, que é a automação de rotinas manuais como o reset e exclusão de senhas dos usuários;
  • Auditoria automatizada, funciona para verificar, por exemplo, quais contas de usuário não estão mais vinculadas à empresa.

Já o SSO (Single Sign-On) é responsável por permitir que aplicativos usem a mesma senha para todos os acessos. Isso porque dificilmente uma empresa trabalha com menos de 10 aplicativos, exigindo, em tese, 10 senhas diferentes. 

Na prática, o SSO possui um servidor que registra os usuários quando estes fazem o login na primeira aplicação. A ideia do servidor é verificar se existe uma sessão aberta quando o colaborador faz o segundo login — caso tenha, ele é dispensado de digitar sua senha novamente, acessando a aplicação.

Entendeu qual a importância da Segurança da Informação? Vimos que se trata de um investimento indispensável, tendo relação direta com a manutenção das operações e credibilidade do negócio no mercado.

Gostou do texto? Então inscreva-se na nossa newsletter para receber mais conteúdos como esse!

assinar newsletter